EMPRESÁRIO CONTRATA SHOW DE RODRIGUINHO E LEVA ‘CANO’ DE CANTOR E EQUIPE. VEJA

Ouça essa notícia
Reprodução da Internet - Rodriguinho.

O cantor Rodriguinho está sendo acusado de ter enganado o empresário de eventos, Gabriel Guedes, que afirma tê-lo contratado e pago o cachê de R$ 18 mil para realizar uma apresentação em sua casa de show, a “Paraíso Country”, em Magé, na Baixada Fluminense do Rio, no último sábado (24/7), onde não compareceu. 

Segundo o colunista Léo Dias, o empresário afirma que contratou o cantor e que o mesmo não compareceu ao local do evento e, de acordo com o empresário, o artista sequer deu uma justificativa para não ter cumprido sua agenda naquela noite. E pior: estava se apresentando em outro local, também no Rio, no horário que estava previsto para estar na Paraíso Country.

“A gente contratou um show do Rodriguinho para o último sábado. Até então estava tudo certo. Eles marcaram o horário de 2h40 da madrugada. Só que, no decorrer do evento, deu 3h da madrugada e ele não tinha chegado. Como faço eventos com alguns amigos, eu liguei para um amigo que estava em outra casa de show (Rei do Bacalhau, em Duque de Caxias, cidade vizinha) e ele me disse que eram 3h30 e o Rodriguinho tinha acabado de subir ao palco. Nisso a gente estava mandando mensagem para a produção dele e ninguém nos respondia”, conta Gabriel.

O empresário diz ainda que pegou o carro para ir atrás de Rodriguinho e sua equipe, após se dar conta do descaso. Mas no meio do caminho, acabou sofrendo um grave acidente, impossibilitando a sua chegada até a casa noturna onde o cantor estava. 

“Quando deu 3h30h eu saí da minha casa de show, que é em Magé, e vim dirigindo atrás do Rodriguinho no Rei do Bacalhau. No meio do caminho eu acabei sofrendo um acidente, porque tinha uma poça d’água na pista e eu acabei rodando com meu carro. Tomei 15 pontos no rosto, quase dei PT no carro e ainda mandei foto do acidente pra eles. Eles mentiram novamente dizendo que estava chegando em 30 minutos, mas nunca chegaram. Até hoje o Rodriguinho não mandou nem um vídeo se explicando pra gente. Disse que estava passando mal, mas no domingo ele fez outro show. Não deu um posicionamento pra gente e muito menos uma satisfação pro nosso público. O que a gente queria mais era um vídeo dele se explicando e até hoje ele está dizendo que não vai fazer nada, não vai falar nada e que vai resolver essa questão mais pra frente”, revela.

Ainda segundo Gabriel, a equipe de Rodriguinho respondeu aos seus questionamentos somente no dia seguinte e ainda teria mentido dizendo que o cantor havia passado mal. 

“Disseram pra gente que o Rodriguinho é diabético, que passou mal e estava internado. Mas no sábado, pessoas postaram fotos dele fazendo show normalmente aqui no Rio. Amigos nossos fizeram vídeo desse show e mandaram pra gente. Pagamos o cachê (Rodriguinho cobrou R$ 18 mil) para acontecer esse descaso e essa falta de profissionalismo da parte deles”, finaliza.

Compartilhe