Globo é acusada de trabalho escravo e humilhação por ex-funcionários

Ouça essa notícia

Globo é acusada de trabalho escravo por ex-funcionários. Foto: Reprodução Internet

A gente acha que o mundo da televisão é puro glamour não é? Mas toda história tem dois lados e ex-funcionários da Rede Globo estão fazendo acusações envolvendo o reality show Big Brother Brasil.

Operadores de câmera e um assistente de operação que trabalharam na 20º edição do programa abriram uma ação contra a emissora, expondo a realidade a qual eram submetidos diariamente. Condições horríveis de trabalho e assédio moral foram confirmadas de acordo com a jornalista Fábia Oliveira.

Fábio Allam, advogado de defesa dos ex-funcionários relatou que todos estão pedindo indenização pelas condições do local de trabalho, que era sujo, sem lixeira e com fios desencapados que davam choque quando chovia. Ele também disse que os profissionais trabalhavam 9 horas com horário de almoço reduzido e contato direto com animais como gambá, morcegos e aranhas.

Existe também um pedido contra o assédio moral vivido por eles, que eram tratados com desrespeito e grosseria. O Grupo Globo não se manifestou.

Saiba mais:

Compartilhe