Morte Suspeita: Ex-mulher de Tom Veiga é acusada de agressões

Ouça essa notícia

Tom Veiga e Cybelle Hermínio. Foto: Reprodução da internet.

Depois de expor a decisão pela exumação do corpo de Tom Veiga e acusar Cybelle Hermínio de ter envenenado o ator, a família escancarou a porta da verdade e soltou que a ex-esposa o agredia.

A separação turbulenta de Tom e Cybelle já era um sinal de alerta. A família relembra que depois de oito meses de matrimônio, o apresentador fugiu de sua mulher que corria atrás dele com uma garrafa quebrada nas mãos, e após séries de agressões e escoriações pelo corpo, o intérprete desesperado, sem documentos e sem dinheiro, se abrigou na casa de André Marques, seu amigo e apresentador da Rede Globo. A agressão teria acontecido no dia 4 de setembro do ano passado.

Segundo a coluna do Leo Dias, que entrevistou a ex-empregada do Tom, Josenilde Cássia Santos Silva, relatou que Cybelle era muito ciumenta e que ela presenciou momentos tensos entre o casal em pouco mais de um ano em que trabalhava lá. A doméstica confirmou a agressão com a garrafa de vidro em seu depoimento à polícia.

Sendo assim, segundo relato dos familiares e da ex-empregada do casal, Cybelle Hermínio, continua como a principal interessada pela morte do intérprete.

Saiba mais:

Compartilhe