Sikêra Júnior contesta Xuxa na Justiça e pede R$ 50 mil de indenização

Ouça essa notícia

Sikêra Júnior e Xuxa Meneghel. Foto: Reprodução da Internet

Têm movimentação rolando na corte!

O apresentador Sikêra Júnior sofre processo desde Outubro de 2020 de Xuxa Meneghel, acusado por danos morais. A apresentadora pede R$ 500 mil de indenização, mas a defesa de Sikêra resolveu opor-se e contra-atacar protocolando uma contestação com reconvenção que agora pode ter um desfecho diferente.

O jornalista e sua defesa decidiram contraditar sua posição como réu no dia 29 de março e passaram a mover uma ação dentro da já existente contra Xuxa.O advogado do comunicador apresentou um documento com mais de trinta páginas contra a apresentadora, alegando que a mãe de Sasha pediu R$ 500 mil como valor da causa de forma completamente aleatória e não atribui valor algum de indenização ao pedido de danos morais. Por isso, pede a redução do valor da causa para R$ 50 mil.

Após pedido de modificação no caso, o apresentador da RedeTV! pede que Xuxa seja condenada a pagar R$ 50 mil por danos morais com juros e correção e os honorários advocatícios.

Um outro ponto também para ser considerado é que a defesa de Sikêra usa uma entrevista de Xuxa do dia 28 de outubro de 2020, produzida pela revista Vogue, onde a apresentadora o classifica como palhaço, de postura forçada, desengonçada, tosca e homofóbico, o que pode mudar o rumo do processo e trazer problemas à rainha dos baixinhos.

Sikêra tenta provar na Justiça que seu comportamento classificado como agressivo só ocorreu porque foi provocado antes. Além disso, ele aponta suposto ato ilícito praticado por Xuxa, que teria o acusado de fazer apologia à zoofilia. Ele alega que Xuxa encabeçou uma campanha na internet e em suas redes sociais, recrutando artistas como Sasha Meneguel, Ana Maria Braga, Luísa Mell, Camila Pitanga, Rita Lee, entre outros, ofendendo sua honra e dignidade.

Xuxa processou Sikêra Júnior depois de ter sido chamada de pedófila e ter sido acusada de fazer apologia às drogas. A apresentadora foi atacada pelo comandante do ‘Alerta Nacional’, após critica-lo por exibir um vídeo de um homem praticando o crime de zoofilia. Além de ter exibido imagens de um homem se relacionando sexualmente com uma égua, o apresentador ainda simulou imagens de zoofilia no estúdio com funcionários do programa.

A ação revoltou Xuxa Meneghel, que iniciou uma campanha ao convocar famosos para se posicionarem contra a zoofilia.

Que tour meus amigos! Aguardamos o desfeixo desse caso!

Saiba mais:

Compartilhe