VACINADO COM A CORONAVAC, AUTOR DE NOVELA PASSA PERRENGUE NA EUROPA PELA NÃO ACEITAÇÃO DO IMUNIZANTE

Ouça essa notícia
Reprodução da Internet - Agnaldo Silva, autor de novelas.

O autor de novelas Aguinaldo Silva usou o Twitter para contar publicamente que está tendo dificuldades para circular pela Europa mesmo apresentando certificado de vacinação contra a Covid-19. Segundo o dramaturgo, que está passando uma temporada na França, lá na região afirmam que a chinesa Coronavac “não está valendo”.

“Tanto sacrifício na fila para tomar a vacina chinesa e, quando chego aqui na Europa e mostro o certificado de vacinação, me dizem a mesma coisa em toda parte: ‘Essa daí aqui não vale!’, reclamou Silva.

Reprodução da Internet -Tweet de Agnaldo Silva sobre o não reconhecimento da Coronavac na França.

Atualmente, viajantes que saem do Brasil continuam não sendo aceitos na maioria dos principais destinos turísticos da Europa, mesmo que estejam completamente vacinados. Isso vale para países como Itália, Portugal, Reino Unido, Alemanha e França.

No última dia 24, Silva ainda acrescentou: “Só para esclarecer: a Coronovac não foi aprovada nos Estados Unidos e na Europa. A Organização Mundial da Saúde já recomendou que a vacina chinesa seja levada em conta, porém até agora USA e Europa não mudaram de opinião. Mas sempre se pode viajar com um teste PT-PCR negativo”.

Silva possui a “marca” de único dramaturgo da Globo que só escreveu novelas de horário nobre (de acordo com a edição 1991 da Revista Veja).

É ainda o único autor de novelas do mundo que possui dois prêmios “Emmy Internacional”: o primeiro conquistado pela supervisão da telenovela portuguesa Laços de Sangue; e o segundo, pela autoria da telenovela brasileira Império. Aguinaldo Silva escreveu as novelas de maior audiência da década de 1980, “Roque Santeiro”, da década de 2000, “Senhora do Destino”, e da década de 2010, “Fina Estampa”.

Pernambucano de nascimento, Silva obteve a cidadania portuguesa e está radicado atualmente em Lisboa.

Compartilhe